Menu

Entrevista Gamer: Clarice dos Santos

E aí pessoal, tudo certo?
Hoje a entrevistada é a Clarice, do canal Co-opando! Espero que gostem!

 

1. Quando e como você começou a colecionar jogos/video games?
Comecei a colecionar pra valer há alguns meses, culpa do Angry Video Game Nerd mostrando o game room dele. Eu já tinha uma pequena coleção mas não ligava em aumentá-la, mas a ideia de ter os jogos na mão para poder brincar sem ser no emulador começou a ser bem tentador ultimamente.

2. Possui algum jogo ou console da época de infância? Se sim, qual(is)?
Tenho o Animaniacs do Mega Drive até hoje. Ele foi o meu primeiro jogo todinho MEU, que o meu irmão me deu quando eu era pequena. Esse não vendo, nem desfaço, tem um valor sentimental grande.

3. Tem alguma história legal ou engraçada dessa época? Se sim, nos conte um pouco.
Só do meu irmão ficar putíssimo comigo por abrir as Super Game Power dele antes de ele chegar em casa. Parei com isso depois de levar uma bronca imensa dele.

4. Você tem preferência por alguma plataforma ou gênero de jogo?
Eu sou fã do Super Nintendo. Não sei bem dizer o motivo, já que em casa tinha o Super Nintendo e o Mega Drive na mesinha da sala, mas sempre simpatizei mais com o SNES. Sobre gênero de jogo, curto os de plataforma.

5. Quais são as suas franquias favoritas?
Castlevania e Metal Gear, que eu cresci vendo o meu irmão jogar.

6. E quais você não suporta?
Megaman me irrita PROFUNDAMENTE, tenho muita dificuldade em jogá-lo, assim como Zelda, mas ainda tenho muita vontade de enfrentar isso e jogá-los para valer, deixando meu “mimimi” de lado.

7. Qual é o seu vídeo game favorito?
(respondida na pergunta 4 ^^)

8. Costuma comprar mais de um modelo do mesmo console? Se sim, quais você possui?
Todos os consoles que tenho é uma versão de cada. Acho legal quem coleciona vários modelos de um console, mas EU não faria isso na minha coleção. Já fico satisfeita com um modelo, de preferência funcionando.

9. Tem preferência por jogos completos ou não liga para isso?
Todo mundo gosta daquela caixinha completa na prateleira da coleção, com manual e tal, mas se for o caso de NINGUÉM vender completo (ou os que vendem querem um rim), compro loose. Vai ser jogado do mesmo jeito.

10. Na ausência de algum jogo em inglês, você compra a versão japonesa?
Compro só quando não tem necessidade de ficar lendo os textos para avançar no jogo, caso contrário caço o americano até achar um preço acessível e não abusivo.

11. O que pensa sobre relabel e réplicas de caixas e manuais?
Antigamente eu tinha um grande preconceito achando que meio que isso acabava com a “integridade” do jogo, que não é a caixa original de fábrica (praticamente é um mimimi), até que, finalmente, me toquei que É SÓ UMA CAIXA, como qualquer outra. Tenho cartucho loose com manual e alguns com a label bem detonada que estou pensando seriamente em fazer relabel e comprar réplicas de manual e caixa.

12. E sobre jogos piratas e hacks?
Antigamente eu comprava jogos piratas, mas como o jogo nunca funciona direito ou com o tempo para de funcionar, parei com isso. E sobre hacks, nunca usei, não vejo graça.

13072059_10154007695250605_961603108_o

13. Costuma emular jogos?
Quando o sistema for inacessível pra mim (por ex: Amiga ou MSX, que não acho um funcionando), e consoles antigos cujo cartucho ainda não tenho, emulo sim.

14. Você gosta de jogar no PC?
Antigamente eu tinha preconceito com PC, ficava só nos consoles, mas aos poucos ele foi me seduzindo e a maioria dos jogos eu jogo no pc (principalmente porque o custo benefício é melhor, na minha opinião).

15. Já aconteceu de pegar alguma versão de jogo para PC e gostar mais do que a versão para console? Se sim, qual?
Já ocorreu sim com o Devil May Cry 4, que estava bem mais bonito.

16. Tem algum jogo (ou console) que você ambiciona ter mas ainda não possui? Se sim, qual(is)?
Eu quero ter uma máquina de fliperama! Meu sonho de consumo é ter uma na minha futura sala (se ela tiver espaço, claro) rodando MAME adoidado!

17. Qual foi o seu maior achado?
Na verdade foi um presente de um amigo meu que tinha um monte de jogos de Super Famicom que ele não jogava mais e deu todos para mim e pro meu noivo, e no meio estava Super Castlevania IV originalzinho e completo. Meu noivo quase surtou que, no meio dessa coleção, tinha Super Metroid também, que ele é muito fã.

18. Como você controla os gastos com jogos?
Eu me limito a comprar três jogos por mês, no máximo, e sempre pesquisando bem antes, pra não passar da conta. Pretendo comprar meu imóvel até o fim do ano, então isso me ajuda a ter um controle maior nos gastos com jogos, afinal, preciso de um game room para guardá-los.

13063879_10154007695255605_607597502_o

19. Já aconteceu de algum jogo ou vídeo game seu pifar? Como você se sente em relação a vida útil de consoles antigos, que tende a diminuir cada ano mais?
Já aconteceu com o videogame do meu noivo de pifar, um PlayStation 3. Sobre vida útil de console antigo, na verdade, acho que eles tem bem mais vida útil do que os atuais, que estão BEM DESCARTÁVEIS. Os consoles next gen estão saindo rápido demais, com materiais bem descartáveis (já que, convenhamos, ultimamente TUDO está mais descartável atualmente), a tendência de pifar está bem maior do que os consoles antigos, que, na minha opinião, ainda aguentam bem o tranco.

20. Já se desfez de algum jogo e se arrependeu depois?
O Castlevania Lords of Shadow. Por mais que o jogo não seja fiel à cronologia original, um reboot bem chatinho, ainda assim era Castlevania (pelo menos no nome, né). Como estou fazendo coleção de Castlevania, esse é um que vou ter que comprar de novo.

21. O que a sua família e amigos pensam desse seu hobby?
Meus pais já estão acostumados por causa do meu irmão também gostar, então é tranquilo. Já na roda de amigos eu sou a diferentona, acham o máximo eu gostar de videogames junto com o meu noivo (já que as esposas/noivas deles não gostam).

22. Que dicas você dá para quem está entrando no mundo do colecionismo recentemente?
NÃO SE AFOBE. Vá com calma, pesquisa, começa pelas franquias que você gosta e não vai pegando o primeiro anúncio que ver. Muitos se aproveitam dessa “hype” de colecionismo e tacam o preço lá em cima e exploram mesmo, sem dó.

23. Você sofre preconceito por ser mulher e jogar vídeo game? Tem alguma história marcante para compartilhar?
Quando eu era pequena eu tinha mais amigos do que amigas. Enquanto elas ficavam falando dos bonitinhos das revistas (e me deixavam de escanteio) eu ficava falando de videogame com os meninos, que achavam um barato menina jogar (anos 90 isso não era tãããão comum).

13078278_10154007699425605_218046837_o

24. O que você pensa sobre o endeusamento que muitos homens fazem de mulheres que jogam?
Admito que sim, sinto um “orgulhinho” de vez em quando por ser “a diferentona que joga videogame” na roda de amigos, não serei hipócrita, mas tem gente que exagera nessa de querer atenção por ser garota e gamer. Gente, não sou gamer girl, não sou garota gamer, eu sou GAMER. Essa de “AI MEU DEUS, SOU MULHER QUE JOGA VIDEOGAME, ME REVERENCIEM” é feio. Independente do sexo, somos GAMERS, pronto! Não somos melhores nem piores que ninguém, só queremos o mesmo respeito que todo mundo. Também xingamos, também falamos palavrão, e o fato de não sabermos a nossa configuração do PC (como vi um youtuber aí reclamando da matéria da IGN sobre garotas gamers) não nos faz mais ou menos gamers que os outros.

25. Como surgiu a ideia de fazer um canal no YouTube?
Alguns amigos meus e do meu noivo sempre riam de ver a gente jogando juntos alguma coisa, porque um zoa o outro e eu sou uma cavala, e vimos que canais de casal gamer são raros na internet. Quisemos fazer algo legal com as nossas bagunças e algo que a gente gosta.

26. Qual o seu critério para escolher os jogos da live?
O foco do nosso canal é jogos antigos e jogos que podemos jogar co-op (apesar de jogarmos pouco). Além de serem jogos antigos, escolhemos o que mais gostamos. Uma vez ou outra escolhemos um que nunca jogamos só pra fazer o povo dar risada.

27. Gosta de comprar coisas relacionadas a jogos? Bichos de pelúcia, livros, roupas, etc…
Compramos sim. Adoramos Action Figures, gosto bastante de pelúcias, camisetas de jogos, até tinha um chaveiro da Tifa na minha carteira.

28. Você possui algum site onde divulga seus vídeos e/ou sua coleção? Se sim, deixe o link para nossos leitores conhecerem! 🙂
Nós temos nossa página no Facebook e um grupo também, além de um blog um pouco “abandonadinho” que pretendo movimentar mais este ano!
Página do Facebook: http: //www.facebook.com/CanalCoopando
Grupo no Facebook: http: //www.facebook.com/groups/CanalCoopando
Blog: http: //coopando.wordpress.com

Colecionadora de videogames, retrogamer e metalhead.

One comment

  1. lucas disse:

    tem video da entrevista?

Deixe uma resposta

*

Assine o blog por e-mail

Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 93 outros assinantes

Calendário

maio 2016
S T Q Q S S D
« fev   jun »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031